10 de março de 2009

Nietzsche e a Memória

.
"Eu fiz isso", diz minha memória. "Eu não posso ter feito isso", diz meu orgulho, e permanece inflexível. Por fim, a memória cede.
(Nietzsche)